Danger! A privacidade no relacionamento

57 Flares Twitter 0 Facebook 57 Pin It Share 0 Google+ 0 57 Flares ×

PRIVACIDADE! Taí um ponto que divide opiniões em qualquer roda de conversa sobre a relação amorosa entre casais. Em qual momento do relacionamento o NÓS se sobressai ao EU tornando esse último apenas uma vaga lembrança de um sonho de solteirão? Bom, partindo do pressuposto que você não se tornará um namorado siamês a partir da troca do status no Facebook, então o EU deveria continuar lá. Porém, há quem se sinta mais confortável assumindo a administração total e irrestrita da vida pessoal do cônjuge (mesmo que essa seja uma “decisão unilateral”).

Depositphotos_28430947_m

Sem entrar em certo ou errado, já que o certo deve ser sempre aquele acordo mental que cada casal tem do que faz bem ao seu relacionamento, é fato que cada ser humano, antes de se decidir a dividir o seu tempo com outra pessoa, já possuía um conjunto de ações que eram realizadas antes de ter seu tempo dividido. E por mais que em uma relação a abnegação deva existir, nunca é ideal que a alguém tenha que escolher entre tudo que ele gostava antes e você. Pois nesse caso, parte das alegrias dessa pessoa será automaticamente podada e, ora bolas, ninguém fica feliz com isso.

Cada indivíduo tem a necessidade de seu espaço. E mesmo aquele que diz preferir ficar colado 100% no parceiro, acredite, tem também. Ter um tempo só seu é fisicamente obrigatório. E é emocionalmente terapêutico.

privacidade2

Obviamente, como seres cultura e educacionalmente diferentes cada um tem um ponto de vista sobre o que, para ele (a), é legal e o que já ultrapassa os limites. Sair pra beber com os amigos sem a namorada: sim (  ) – não (   ). Ter a senha do Facebook do love: sim (   ) – não (   ). Encontro cazamigas sem os machos: sim (   ) – não (   ).

Além disso, existe ainda o grande problema em esperar do parceiro à ação (ou reação) que você teria diante um evento ou assunto. É aquilo de “Ah, eu não tenho o menor problema em deixá-la acessar meu Facebook, por isso ela deveria me deixar ver o dela também.” Querido, a expectativa é sua, não dela. Lide com as suas escolhas e não espere de terceiros as suas decisões. Mesmo que cruel em certos contextos, isso é uma lição pra vida.

Por isso, antes de vetar a peladinha de quarta a noite ou pular no telefone da parceira ao menor sinal de nova mensagem de WhatsApp, pense no quão importante a liberdade para gerir suas próprias escolhas pode ser saudável à relação. Evitará o desgaste com desconfianças infundadas, oxigenará o relacionamento trazendo a ele novas experiências e ainda reforçará sua autoestima como ser confiante em suas qualidades, sem trela para inseguranças.

1619664_750197824990541_1289499308_n

Em nosso caso, nunca precisamos ter a senha do FB um do outro, dar baixas rotineiras no cel ou vetar os prazeres individuais de cada um para mantermos o relacionamento feliz e longevo. Pelo contrário. Uma vez que acreditamos que o outro está contente com o namorado (a) que tem e já conhecendo suas necessidades, apenas confiamos no bom senso um do outro. Sem neuras estratosféricas, sem se afastar de amizades e sem cercear a privacidade alheia. Não é receita de bolo, mas até então, vai muito bem, obrigado.

 

P.S.: Se você é o detentor dos créditos de alguma das imagens utilizadas nesse post, entre em contato. Teremos o maior prazer em creditá-las à você.

57 Flares Twitter 0 Facebook 57 Pin It Share 0 Google+ 0 57 Flares ×

Estilo a dois

4 Comments

  1. Que inveja de vocês! Inveja branca viu…. nem doi. rs
    Só queria tb ser assim chegar nesse nível.
    Na verdade já fui assim com meu namorado uma vez, mas depois que ele disse que estava em um lugar e descobri que não estava…. tudo mudou.
    Não confio em mais nada, quero mexer em tudo…. estou sempre em alerta….
    As vezes penso que não existe homem fiel, ou realmente sincero…. só homem mais esperto pra apagar dos que outros. Mais esperto tecnologicamente falando pra apagar conversas no Whats… Face… etc…
    Uma hora vc vai pegar…. um escorregão, uma mentirinha….
    Isso me entristece….

    Luiza, segura e não solta mais viu esse tipo de homem aí é totalmente raridade…. acho que nunca vou encontrar um….

    Parabéns para os 2!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *